Coturno: Uma relação de amor e ódio

- 12 dezembro 2013 -


Se tem uma peça que eu sempre tive uma relação de amor e ódio, essa peça é o coturno, se lá na minha adolescência eu achava ridículo hoje em dia eu queria ter todas HAHAHA.  

Esse coturno foi adquirido recentemente e posso afirmar com toda a certeza que é um dos melhores investimentos que eu já fiz, para quem não sabe eu sempre SEMPRE tive/tenho problemas com sapatos, até tênis machuca o meu pé, acredito que esse seja um dos únicos se não o único que não machuca o meu pé.

Eu achei que nunca ia conseguir comprar esse coturno, pois quando eu decidi que eu queria um coturno pesquisei na internet e vi esse modelo em um site (duvidoso) por mais de R$200,00 reais, procurei em algumas lojas, mas não encontrava o mesmo modelo, até que um dia em uma passada despretensiosa pelo shopping Iguatemi eu vi na vitrine de uma loja por R$200,00, mas do mesmo jeito não levei, pensei que arremataria facilmente em uma outra oportunidade.

Tempos depois  já disposta a pagar os R$200,00 no coturno voltei a loja, mas o modelo já não estava mais disponível, com isso desencanei de ter aquele coturno, até que um dia bem de bobeira na internet encontro o coturno sendo vendido na passarela por R$140,00 + frete de graça e ainda tinha a opção de cartão e embalagem de presente, não pensei duas vezes (nem poderia) e arrematei com papel de presente e cartãozinho com a mensagem de "você venceu!", me senti vitoriosa pelo feito HAHAHA.

E você tem alguma história interessante relacionada a sapatos? Compartilha ai nos comentários!



Nenhum comentário em "Coturno: Uma relação de amor e ódio"

Postar um comentário