Simplesmente Hannibal

- 23 abril 2014 -



Tem algum tempo já que eu não faço um dos meus programas favoritos no fim de semana: assistir filme + me entupir de gordices (porque somente filme não tem graça, gordice sim).

A explicação mais lógica que eu poderia dar é que eu sou uma pessoa cof cof muito ocupada e que não tenho tempo para diversão, NOT.

A real explicação é o excesso de sono, veja bem, eu até me esforço para assistir o filme, mas ultimamente eu não consigo ficar mais do que 15 minutos acordada e o restante do filme eu durmo, sempre acordo depois de algumas horas do filme ter acabado, sim! E não eu não me orgulho disso.

Esse fim de semana eu finalmente consegui assistir todos os filmes que eu queria ver em um looping interminável, porque sim quando eu gosto de um filme eu assisto duas, três, quatros, 500 vezes seguidas e nunca vou me cansar.

E apesar de amar de paixão a série de filmes do Hannibal eu acabei me esquecendo de alguns fatos importantes, pois já fazia um bom tempo desde a última vez que eu assisti, vocês já vão entender.

Atenção: Não vou resenhar os filmes porque 1° eu não me acho qualificada suficiente para isso e se mesmo assim, por algum motivo eu fizer eu tenho certeza que eu vou contar metade do filme senão o fim vide a única vezque eu fiz isso, até coloquei uma tarja de atenção pode e contém spoilers, 2° essa não é a intenção do post e 3° todo mundo já deve estar careca de saber quem é o Hannibal né não?! Anthony Hopkins tchiadoro!

Por isso vou colocar apenas uma descrição tosca breve sobre o que eu acho de cada filme.

Dragão vermelho
De toda a série foi o filme que eu mais assisti junto com a origem do mal, e também um dos meus preferidos de todos, Will Graham (agente do FBI) que quase foi morto pelo Hannibal (você pode conferir isso no início do filme e deve ter doido pra chuchu) agora precisa da ajuda do próprio para descobrir mais informações sobre Francis Dolarhyde, o serial killer que tem causado pânico na cidade, mas o que o Will (agente do FBI) não sabe é que Hannibal apesar de “ajudar” o policial com informações sobre Dolarhyde passa também informações ao serial killer sobre o Will e sua família, apenas uma frase para justificar essa salada ai de cima: o filme é tenso.

Ps: Tem Ralph Fiennes chuchu no filme como o serial killer.

Silêncio dos Inocentes
Apesar desse filme não ter cenas de assassinato, possui bastante imagens de pessoas que tiveram as suas peles arrancadas, se você tiver estômago forte vá em frente.

Nesse filme Clarice é escalada para que com a ajuda (de novo) do Hannibal consiga descobrir pistas sobre Buffalo Bill, um serial killer que mata e esfola a suas vitimas a fim de usar as suas peles. O personagem Buffalo Bill foi inspirado em um serial killer real, o Ed Gein, que também matava e arrancava a pele de suas vitimas, com a pele ele fez cintos, assentos de cadeira e por ai vai.

Hannibal
Pelo menos pra mim esse é o filme mais fraco de todos, não sei, mas simplesmente não gosto do desenrolar da história e aquela parte do cidadão com a cabeça aberta não me convenceu at all com isso eu não assisti tantas vezes e me deparei com cenas das quais eu não lembrava, saca só:

Eu assistindo Dragão Vermelho
Exibindo tumblr_mpseei8tFg1r1thdeo1_250.gif

Eu assistindo Silêncio dos inocentes
Exibindo tumblr_mpseei8tFg1r1thdeo1_250.gif

Eu assistindo Hannibal
Exibindo tumblr_mqsc9d8qyI1ssea3no1_500.gif

Exibindo 48569325_omg_reaction_gif.gif

Camassim? Eu não me lembrava dessa cena e tive mini ataques cardíacos porque não lembrava as cenas seguintes.

Ok, Clarice não é a minha personagem favorita, mas cortar o pulso da moça, loucura! Mas no fim tudo acaba bem, ou não Muahaha.


E finalmente, mas nem um pouco menos importante A origem do mal, tá certo que na ordem cronológica eu deveria assistir esse filme primeiro, mas a sensação de vazio parece ser menor ao assistir esse filme por último e eu sempre posso usar a desculpa de “o que acontece agora?” e voltar para o filme dragão vermelho e ficar para sempre nesse looping interminável. Amor sim ou com certeza?

Nenhum comentário em "Simplesmente Hannibal"

Postar um comentário