cinco vezes que eu quis arrancar os meus cabelos

- 03 agosto 2015 -
Cinco vezes que eu apenas quis/ quero arrancar os meus cabelos quando acontecem:

Quando as pessoas me julgam quando eu saio de casa de pijamas
Não há nada mais libertador do que sair de casa de pijamas, crocs e cabelo desgrenhado, amo/sou sair de casa assim e iria até trabalhar dessa forma se fosse sociavelmente aceito. Pessoas apenas parem de julgar!

Quando os vendedores me perseguem dentro das lojas
Sinto um arrepio na espinha e a morte precoce do meu coração só de pensar em entrar em lojas que os vendedores "adoravelmente te perseguem". Apesar de já ter alertado que você está ali apenas de passagem e sem interesse algum em comprar algo. É incrível como eles teimam em permanecer ao seu lado ou em algum lugar estrategicamente posicionado para caso você mude de ideia. Compras online, tamo junto!

Quando os professores teimam em permanecer ao meu lado quando eu estou fazendo prova
Claramente eu quando avisto algum professor vindo na minha direção
Devo ter algum alarme silencioso detectado apenas por professores, alguma placa em neon com letras gigantescas para chamar atenção ou talvez seja apenas a cara de pavor que chama a atenção de professores nos dia de prova, veja bem, ainda se eu colasse, tudo bem, mas eu mal consigo me concentrar para fazer uma prova quanto mais bolar algum plano mirabolante para tal.

Quando as pessoas acham que a buzina é alguma varinha mágica que realiza todos os seus sonhos
Sou adepta do silêncio, isso já diz muita coisa, não? Talvez porque eu tenho vizinhos adeptos ao uso da buzina para tudo, digo, PARA TUDO. As vezes fico me perguntando se as pessoas realmente acham que o simples fato de tocar a buzina como se sua vida dependesse daquilo vai resolver os seus problemas de alguma forma.

Quando eu sou obrigada a socializar
Fiquei na dúvida qual é pior, ter que atender telefone de números desconhecidos e ter que lidar com aquelas situações pouco embaraçosas de pessoas te oferecendo algo que você não precisa ou de alguma forma precisar socializar com alguém que você está pouco habituado ou pouco conhece.


Nenhum comentário em "cinco vezes que eu quis arrancar os meus cabelos"

Postar um comentário